Durante a situação atual causada pela COVID-19, a principal preocupação da Sidel é a saúde e segurança de todos os envolvidos com a empresa, bem como a garantia da continuidade de negócios para nossos clientes. Leia mais

A Sangaria faz frente à alta nas vendas de chá verde e água com gás com a solução flexível de embalagem asséptica em PET da Sidel

A Sangaria, fabricante japonesa de bebidas de liderança, tem contado com a Sidel como grande parceira comercial há mais de nove anos. Para aumentar a flexibilidade de produção, a empresa novamente recorreu à sua fornecedora de confiança ao adquirir a versátil Sidel Aseptic Combi Predis™ para produzir bebidas assépticas com e sem gás em garrafas PET na mesma linha. Esse investimento também ajudará a Sangaria a ampliar seu portfólio de produção futuramente.

No Japão, a base de consumidores local em rápido envelhecimento está cada vez mais preocupada com a saúde. Para produtores de bebidas e alimentos, isso motiva uma crescente ênfase na introdução de produtos com valor agregado e exige adaptação cuidadosa dos atuais, a fim de atenderem a necessidades e expectativas específicas em relação à saúde e recursos de embalagem. Ao mesmo tempo, a premiumização também deve mostrar forte crescimento nesse mercado.

De acordo com o Global Data 2020, as bebidas com melhor desempenho no Japão atualmente são água aromatizada e saborizada, bem como chás e energéticos, que também têm previsão de crescimento nos próximos anos. Nesse mercado, a sazonalidade cumpre um papel importante como fator-chave de compra, visto que a preferência por água com gás é especialmente maior no verão, ao passo que, no inverno, chá e café são mais consumidos. Assim, a Sangaria está continuamente inovando para diversificar seu portfólio de bebidas, que inclui muitas marcas de refrescos com vitaminas, comercializados por seus benefícios à saúde. O slogan da empresa — “Sangaria, sempre buscando bebidas naturais”— resume perfeitamente essa estratégia comercial. 

Total confiança na Sidel quando a assepsia é fundamental

Inicialmente, a Sangaria estava usando tecnologias de enchimento a quente para fabricar suas bebidas sensíveis, como chá verde e sucos. Quando a empresa decidiu aumentar as vendas com produtos lácteos em 2011, a mudança para a produção asséptica em PET foi uma escolha melhor. Para esse passo estratégico, a Sangaria recorreu à Sidel. Ishiyama san, CEO da Sangaria, se envolveu pessoalmente com a decisão — visitando diferentes clientes da Sidel ativos na fabricação de bebidas assépticas — e logo entendeu a vantagem da tecnologia segura e simples de esterilização seca de preformas da Sidel, cuja confiabilidade já fora comprovada mundialmente.

A Sangaria foi a primeira empresa de envase no Japão a adquirir a Aseptic Combi Predis, a solução integrada da Sidel de sopro, enchimento e fechamento que inclui a esterilização seca de preformas. Isso atestou o espírito pioneiro da empresa, que explora tecnologias inovadoras a fim de se diferenciar da concorrência e manter a liderança no mercado.

Grande flexibilidade para as necessidades do mercado atual e futuro 

O objetivo principal da Sangaria era investir em uma nova linha de embalagem PET asséptica — capaz de produzir água com gás, refrigerantes e bebidas sem gás — que oferecesse também a flexibilidade de produção para lançamentos de novos produtos no futuro. Visto que bebidas com gás, inclusive água e chá verde, têm vendido muito no Japão atualmente, a Sangaria buscava aumento em sua capacidade de produção. Com a versátil Sidel Aseptic Combi Predis, a empresa ampliou seus recursos para produzir assepticamente bebidas sem gás e refrigerantes em garrafas PET na mesma linha. A solução viabiliza aumento na flexibilidade de produção, utilizando a mesma válvula de enchimento magnético para processar assepticamente todos os tipos de produtos sensíveis de baixa ou alta acidez, sem necessidade de trocas de válvulas, garantindo confiabilidade e integridade do produto. A Sangaria agora pode processar diversos produtos lácteos e chá de cevada — anteriormente produzido em linhas de enchimento a quente — bem como água com gás saudável em garrafas de 500 mL e 1 L. Com a nova linha de enchimento, a Sangaria realiza a produção do formato de 500 mL a 24.000 garrafas por hora (gph). A flexibilidade de produção também é aprimorada com a tecnologia de troca de molde sem ferramentas, a Bottle Switch™, que permite intervenções muito rápidas.

Produção asséptica segura, simples, sustentável e eficaz quanto ao custo

A tecnologia comprovada, segura e simples que forma a base da versátil Sidel Aseptic Combi Predis reúne esterilização seca de preformas, sopro, enchimento e fechamento assépticos num mesmo compartimento de produção. Essa constituição respeita o conceito fundamental que estabelece as regras da embalagem asséptica de última geração: fabricação de um produto comercialmente estéril, envasado em área estéril, numa embalagem previamente esterilizada. A principal diferença em relação à tecnologia asséptica tradicional é que a fase de esterilização da embalagem é realizada na preforma, e não na garrafa. A solução oferece um processo de sopro esterilizado, bem como trocas de produto e formato rápidas e seguras com intervenção manual mínima, viabilizando produção asséptica contínua de até 200 horas. Além disso, o produtor pode reduzir seu Custo Total de Propriedade (TCO, na sigla em inglês), visto que a versátil Aseptic Combi Predis não utiliza água e emprega bem poucos produtos químicos (menos de 0,7 L de H2O2 por hora) para a esterilização das preformas.

As bebidas com gás são produzidas com um carbonatador da Sidel que acrescenta dióxido de carbono (CO2) após a fase de processamento da bebida. Com essa carbonatação integrada logo antes do enchimento, o desempenho da dosagem é otimizado, proporcionando mais precisão, menos desperdício e melhor estabilidade da bebida. Também garante um único tratamento asséptico tanto para produtos com gás quanto sem gás.

Grande reconhecimento da marca com garrafas PET até 30% mais leves

A Sidel não só forneceu a versátil Aseptic Combi Predis, mas também trabalhou em parceria com a Sangaria nos designs de garrafas PET dos produtos, valendo-se das décadas de experiência que a empresa tem em embalagens. O design da garrafa cumpre um papel fundamental na proposta de uma marca, desde o destaque dos valores dela, garantia da crucial segurança do produto até o nível de satisfação do consumidor ao usá-lo. A Sangaria queria manter a mesma identidade de marca crucial para fins de reconhecimento. Assim, a Sidel a apoiou em adaptar as garrafas processadas em enchimento a quente para a produção asséptica. Graças à solução de esterilização seca de preformas, a empresa também pôde reduzir o peso de algumas de suas garrafas em até 30%, visto que esse sistema não exige tratamento térmico da garrafa soprada.

Profissionais qualificados garantem rápido desempenho da produção

A cooperação entre a Sangaria e a Sidel prosseguiu a fim de assegurar o gerenciamento bem-sucedido da produção. A expertise dos operadores foi aprimorada através de diversos programas especiais. Entre os assuntos abordados neles, havia Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle (HACCP, na sigla em inglês) e manutenção asséptica, para mencionar apenas dois. Desse modo, a Sangaria pôde atingir as metas de produção com segurança e rapidez. Os operadores da Sangaria e os engenheiros da Sidel colaboraram proativamente durante a instalação e fase de ramp-up na fábrica japonesa.

O Grupo Sidel atualizou sua política de privacidade
OK, entendi